1ª Corrida Bucelas Capital do Arinto – 20 de Maio de 2012

Domingo foi dia de mais uma corrida nos arredores de Lisboa. Apenas a 15 minutos de carro temos uma vila bastante tradicional e onde se respira tranquilidade. Cheguei relativamente cedo, o estacionamento foi facil e rápidamente tinha o meu dorsal na mão. Verifiquei que os participantes eram em número bastante inferior ao que estou habituado e a maioria corriam por alguma colectividade ou associação. Para quem ia lá só para “esticar as pernas” num treino mais rápido, começei a ver que possivelmente teria que alterar os meus planos iniciais. Corria o risco de ter o carro vassoura a morder-me os calcanhares.

Meti-me mesmo na cauda do pelotão e meti pernas a caminho com a ideia de não ficar muito para trás em relação aos ultimos atletas. Os primeiros 2 kms foram feitos em circuito dentro da Vila num sobe e desce constante. Meti um ritmo que me sentia confortavel (a rondar os 5:15 min/km), deixando para trás um número reduzido de atletas e mantendo alguns um pouco mais á frente debaixo de olho. Depois de passar pelos 2 kms, apanhamos uma estrada em direcção a Vila de Rei sem grandes inclinações. Aumentei um pouco o ritmo para tentar alcançar o grupo que ia á minha frente e o que consegui numa subida íngreme já na povoação. Tentei gerir da melhor maneira aquela dificuldade e não me entusiasmar na descida que iria aparecer logo de seguida. No regresso a Bucelas “colei-me” a uma veterana que ia num ritmo muito certinho e que acompanhava sem esforço de maior.

5 km – 25:28 min.

No regresso a Bucelas, numa ligeira subida, deixei para trás a minha boleia. Apanhamos mais uma estrada a direito, agora na direcção da Bemposta. Por volta dos 6 kms começou a chover com alguma intensidade, batida a vento e fria. Resolvi imprimir um ritmo mais vivo para me manter quente. Estava tão concentrado que se não fosse um militar da GNR tinha-me enganado no percurso. A engano coincidiu com o ínicio de um subida bastante dura e longa.  Aproveitei a boleia de dois atletas para ultrapassar mais esta dificuldade e como o ritmo deles era descontraido, resolvi ir com eles até onde pudesse. No regresso a Bucelas e novamente em terreno plano,  juntamos os nossos esforços efomos juntos até ao fim. Os últimos 2 kms foram feitos sem grandes problemas, num ritmo certo e em amena troca de experiências. Só nos ultimos 500 metros resolvemos fazer um sprint final e acabar em beleza.

Tempo Real: 50:50 min.

Foi uma prova muito agradavel de se fazer, durinha  e com uma organização simples e eficaz. Suponho que merecia um maior número de atletas para dar mais cor a tão agradavel evento.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: