Arquivo de maratona

Treino para a Maratona do Porto 2017 – 10ª Semana

Posted in 2017 / 2018 with tags , , , on 19 de Setembro de 2017 by José Pedro

Captura de Ecrã (210)

Semana 10 – Treino Especial (Segunda, 11 de Setembro): Massagem de Recuperação Desportiva.

Nada melhor que começar a semana de recuperação com uma fantástica massagem. Foram 30 minutos a mimar as pernas e a dar o tratamento que tanto elas merecem, depois de uma semana a puxar bem por elas. Mais uma vez o meu agradecimento ao VerdeLima (https://www.facebook.com/verdelimaterapias/).

Semana 10 – Treino 34 ( Terça, 12 de Setembro): 7,35 km – 48:33 min.

Tinha no pensamento entrar no ritmo de maratona depois do aquecimento, mas as pernas estavam preguiçosas e a missão estava complicada. Optei por não forçar e no final do treino fiz 6 retas de 100 metros para esticar as pernas.

Semana 10 – Treino 35 (Quarta, 13 de Setembro): 9 km – 57:48 min.

Treino de recuperação feito em ritmo muito lento.

Semana 10 – Treino 36 (Quinta, 14 de Setembro): 11 km – 1:01:50 h.

Depois dos primeiros quilómetros em ritmo de aquecimento, tentei entrar em modo maratona. As pernas estavam soltas e o ritmo pretendido foi facilmente mantido durante todo o treino.

Semana 10 – Treino 37 (Sexta, 15 de Setembro): 8 km – 50:10 min.

Segundo treino de recuperação da semana que se queria calmo e lento. Devido ao descanso notei que foi um pouco mais rápido do que pretendia, mesmo metendo travões constantemente.

Semana 10 – Treino 38 (Domingo, 17 de Setembro): 16 km – 1:30:50 h.

Desta vez o treino longo foi feito na parte da tarde, ao contrario do que é habitual. Depois de alguns quilómetros de aquecimento tentei entrar num ritmo confortável e manter-me assim até ao final do treino. O treino foi feito sem grandes problemas, as pernas estavam mais leves que nas ultimas semanas e os quilómetros também foram poucos. Para a semana volto a dar no duro!

Anúncios

Treino para a Maratona do Porto 2017 – 9ª Semana

Posted in 2017 / 2018 with tags , , , , , , , on 15 de Setembro de 2017 by José Pedro

Captura de Ecrã (209)

Semana 9 – Treino 30 (Quarta, 6 de Setembro): 5 x 1,5 km c/ 90 seg. rec.(11 km) – 1:03:12 h

Depois de sair do ultimo treino com algumas dores no pé direito, meti-me à estrada sem saber bem que tipo de treino iria fazer. Durante o aquecimento senti-me bem e resolvia arriscar no treino que tinha planeado que seriam séries longas. Tentei meter em cada série um ritmo confortável e de preferência que fosse muito próximo do ritmo dos 10 kms. Não consegui andar no ritmo que pretendia (5:09, 4:59, 5:01, 5:00, 5:00 min./km), mas fiquei bastante satisfeito por ter sido bastante consistente e por quase não sentir dores.

Semana 9 – Treino 31 (Quinta, 7 de Setembro): 10 km – 1:03:12 h

Dia calmo com treino de recuperação. Senti durante todo o treino o corpo a querer ritmos mais vivos, mas tive que controlar essa vontade e manter sempre o ritmo baixo.

Semana 9 – Treino 32 (Sexta, 8 de Setembro): 14,5 km – 1:22:48 h

Treino em que o ritmo da maratona seria o objectivo. Depois do aquecimento o ritmo foi aumentando naturalmente até chegar ao pretendido. Foi um pouco complicado manter estável devido ao desgaste acumulado e ao forte vento que se fazia sentir.

Semana 9 – Treino 33 (Domingo, 10 de Setembro): 29 km – 2:43:18 h

Depois do desgaste e das dores que senti no treino longo anterior, abordei este treino de uma forma bastante cautelosa. Depois do aquecimento o ritmo foi aumentando de uma forma gradual e consistente até chegar a um ritmo que fosse confortável e abaixo do que tinha feito em treinos longos anteriores. Mantive o andamento estável durante largos quilómetros e sempre que me apercebia que o corpo queria mais tentava sempre contrariar essa vontade. A partir do quilómetro 22 comecei a sentir algumas dificuldades, não só tive que lidar com o natural desgaste mas também com o vento que agora era contrário e com alguma força. Para manter o ritmo o esforço estava a ser superior e as pernas ressentiam-se por este trabalho extra. Aguentei-me até aos 27 quilómetros e nos últimos quilómetros optei por ir num ritmo mais moderado e controlar o desgaste. O treino até correu bem, só não contei com o vento que foi um “adversário” de respeito.

 

Treino para a Maratona do Porto – 8ª Semana

Posted in 2017 / 2018 with tags , , , on 5 de Setembro de 2017 by José Pedro

CaminhoSantiagoPortuguêsAlhandaVFXira6

Semana 8 – Treino 26 (Quarta, 30 de agosto): 16 x 400 mt c/ 30 seg. rec. (10,35 km) – 56 min.

Neste treino regressei às séries curtas. Tendo em conta que ia ser duro, fiz um bom aquecimento e de seguia iria tentar ser o mais consistente  possível em cada série. Tentei meter o ritmo das provas de 5 km (4:44, 4:49, 4:39, 4:43, 4:43, 4:39, 4:39, 4:36, 4:42, 4:37, 4:24, 4:35, 4:28, 4:33, 4:34, 4:38 min./km) na maioria das séries. Tive sempre a condicionante do piso que ia alterando e do vento forte que se fazia sentir, umas vezes a favor e outras contra. Foi um treino duro, mas que deu para perceber que a minha forma física está a no bom caminho.

Semana 8 – Treino 27 (Quinta, 31 de agosto): 10 km – 1:01:55 h

Depois da tareia do dia anterior, este treino queria-se calmo e em ritmo baixo. Tive que me controlar, mesmo em ritmo baixo foi mais rápido que o normal e sempre em contenção.

Semana 8 – Treino 28 (Sexta, 1 de setembro): 2 x 5 km c/ 3 min. rec. (13,5 km): 1:13:47 h

A seguir ao aquecimento iniciei o meu treino de séries longas. Tentei andar no ritmo de prova de 10 km ( 4:59, 5:05 min/km) mas foi muito complicado. Ainda consegui fazer alguns quilómetros dentro do previsto, mas o vento forte não me deixou fazer melhor e também não queria sofrer um desgaste desnecessário.

Semana 8 – Treino 29 (Domingo, 3 de setembro): 26 km – 2:23:45 h

Desde de 2013 que não fazia tantos quilómetros de uma só vez. Tentei ter uma abordagem cautelosa, mas estava a ser muito complicado. O corpo tinha sempre tendência a aumentar o ritmo e a minha cabeça sempre a por um travão. Houve uma altura que desisti desta luta e deixei o corpo mandar. Durante largos quilómetros andei entre os 5:20 e os 5:25 min./km sem grande esforço. À passagem do quilómetro 23 comecei a sentir algum desconforto no pé esquerdo. Parei durante algum tempo, fiz alguns alongamentos e continuei num ritmo mais moderado. Terminei o treino com dores, mesmo não sendo muito fortes incomodam e metem-me apreensivo ao que pode ser. Vou descansar o máximo possível, fazer os tratamentos tradicionais e esperar que as dores passem rapidamente.

Foto: https://wayofsaintjamescaminhodesantiago.blogspot.pt/

Treino para a Maratona do Porto 2017 – 7ª Semana

Posted in 2017 / 2018 with tags , , , , on 1 de Setembro de 2017 by José Pedro

WP_20170827_10_12_56_Pro

Semana 7 – Treino 22 (terça, 22 de agosto): 6 x 800 metros c/ 45 seg. rec. (9 km)

Ao 22º treino fiz o meu primeiro treino de séries curtas. Depois de um bom aquecimento tentei ser o mais consistente possível no ritmo de cada série (4,39 – 4,39 – 4,48 – 4,40 – 4,48 – 4,43 min.) e o mais próximo possível do ritmo de provas de 5 kms. Senti-me bastante bem neste tipo de treino mas não consegui a consistência que pretendia devido a fatores que não consigo controlar, como o vento e alguma irregularidade do piso.

Semana 7 – Treino 23 (quinta, 24 de agosto): 14,5 km – 1:19:52 h

Até agora foi o treino mais longo feito durante a semana. Aquecendo bem os músculos, fiz uma primeira parte do treino em constante sobe e desce o que levou que o ritmo fosse algo inconstante. Quando entrei em terreno plano fui aumentando o ritmo para o de maratona e tentei manter-me por lá. No final do treino tive que por alguns travões, o corpo puxava para ritmos demasiado rápidos e contra producentes.

Semana 7 – Treino 24 (sexta, 25 de agosto): 8 km – 50:42 min.

Treino de recuperação feito a ritmo muito descontraído.

Semana 7 – Treino 25 (domingo, 27 de agosto): 24 km – 2:12:50 h

Voltei novamente ao meu local de treinos preferido, mesmo sendo bastante duro é sempre muito gratificante e mete sempre os meus indices de confiança em alta. Os primeiros 6,5 kms foram sempre a subir. Tentei nos primeiros quilómetros ir numa ritmo baixo para aquecer e depois tentei meter num que fosse confortável e pouco desgastante. Quando voltei para trás tinha o desafio de tentar controlar os 12 kms quase sempre a descer sem cair em tentação de entrar em andamentos e guardar energias para os últimos 5,5 kms quase todos s subir. A descida foi sempre feita num ritmo controlado e quando voltei a subir, ganhei fôlego e meti o ritmo de maratona. A meio da subida tive que fazer um quilómetro mais lento para fazer um ultimo abastecimento e ganhar forças para o fim do treino. Tendo em conta que o final do treino foi onde a inclinação da subida era mais acentuada, o ritmo do final do treino que consegui impor até me surpreendeu pela positiva.

Maratona do Porto – Registo de treinos.

Posted in 2017 / 2018, Treino with tags , on 27 de Junho de 2017 by José Pedro

MaratonaPorto2017

A época ainda não terminou e já estou com o pensamento na próxima.

A partir do dia 10 de Julho vou iniciar a minha preparação para a Maratona do Porto. A partir dessa data vou dar inicio ao registo semanal no blog dos meus treinos até ao grande dia.

O registo vai servir para meu controlo, auto motivação e de possível orientação para quem quer meter-se nesta aventura de 16 semanas de preparação.

Maratona à moda do Porto.

Posted in Desabafos, Uncategorized with tags , , on 6 de Janeiro de 2017 by José Pedro

captura-de-ecra-151

Como se costuma dizer: ” Não há duas sem três “. Depois de fazer a Maratona de Lisboa em 2011, no antigo percurso e em 2013 no novo, resolvi inscrever-me na Maratona do Porto 2017.

Após a minha estreia na distância fiz um acordo comigo próprio que iria fazer uma maratona de dois em dois anos para não massacrar muito o corpo ( principalmente os meus joelhos ), para não provocar um grande desgaste e porque treinar para uma maratona consome muito do nosso tempo livre.

Como poucas coisas da vida são certas, depois de uma demorada lesão em 2014 tive que deixar essa ideia de lado. A recuperação foi longa, o retorno também não foi fácil e precisei de algum tempo para voltar a correr distâncias mais longas.

Depois  um longo processo de voltar a ter confiança nas minhas capacidades em distâncias mais longas, chegou a vez de consolidar a forma física até poder enfrentar a maratona.

A escolha recaiu no Porto por ouvir falar muito bem da organização, do percurso, do incentivo que se tem ao longo do percurso e por querer experimentar algo diferente.

Se tudo correr dentro do previsto, irei começar a treinar em Julho com um único pensamento: estar em  Novembro na Invicta para enfrentar pela terceira vez os míticos 42,195 metros.

Até lá é continuar a treinar com muito juízo!

Maratona do Porto 2017 – Abertura de inscrições.

Posted in Calendário de Corridas, Uncategorized with tags , , , , on 12 de Dezembro de 2016 by José Pedro

maratonaporto2017

A malta do Norte não brinca em serviço e no dia 15 de Dezembro de 2016 já se pode inscrever para a Maratona de 2017. Geralmente os preços são em saldo até ao final do ano, é de aproveitar!

Maratona do Porto 2017 – informações e inscrições