Arquivo de alhandra

Maratona do Porto 2017 – 14ª Semana

Posted in 2017 / 2018 with tags , , , on 19 de Outubro de 2017 by José Pedro

Alhadra VFX

Treino 54 (Terça, 10 de Outubro): 10 km – 58:06 min.

Depois do desgaste sofrido no domingo, este treino queria-se mais suave e de preferência num ritmo certo. Depois do aquecimento tentei meter o ritmo de maratona mas estava difícil. Sentia as pernas cansadas e fui obrigado a dar um pequeno esticão para conseguir chegar ao ritmo pretendido. O resto do treino já foi feito de uma forma mais tranquila.

Treino 55 (Quarta, 11 de Outubro): 9 km – 56:26 min.

Num treino de recuperação pretende-se ritmos baixos, mas o corpo queria mais. Tive que por várias vezes o travão para manter-me dentro do objectivo.

Treino 56 (Quinta, 12 de Outubro): 3 x 3 km c/ 3 min. rec. (13 km) – 1:12:58 h

Este dia foi dedicado a séries longas onde era pretendido meter um ritmo um pouco mais vivo que o da maratona e de preferência que fosse homogéneo. Tendo em conta o desgaste da semana anterior as pernas até reagiram bem e consegui cumprir com os meus objectivos (5:16 / 5:11 / 5:15 min./km).

Treino 57 (Sexta, 13 de Outubro): 13 km – 1:20:31 h

Mais uma vez o treino de recuperação teve momentos em que as pernas pediam mais do que pretendia. Dei um pouco mais liberdade que o anterior treino de recuperação, mas assim que cheguei a um ritmo já rápido para o tipo de treino que tinha em mente tive que controlar para não cair em exageros.

Treino 58 (Domingo, 15 de Outubro: 16 km – 1:30:57 h

Foi dia de treino longo, mas bastante curto comparando com os últimos treinos de domingo. Depois do aquecimento deixei o corpo comandar as pernas e após alguns quilómetros já estava no ritmo pretendido. Fiz todo o treino de uma forma descontraída e só no ultimo quilometro estiquei um pouco o ritmo para desprender as pernas.

 

Prova dos 9.

Posted in 2013/2014, Desabafos with tags , , , , , on 23 de Setembro de 2013 by José Pedro

ZonaRibeirinhaAlhandraVFXira

O último treino longo não me saia da cabeça!

– Fiz alguma coisa mal?

– Os acontecimentos da semana anterior tiveram influência?

– A preparação para a maratona não foi bem feita?

– Será que vou aguentar os 42,2 kms no dia 6?

Mesmo tendo boas indicações nos treinos durante a semana, o pessimismo andava sempre comigo e tinha que o matar de uma só vez.

Domingo fui fazer o meu penultimo treino longo antes da maratona. Tinha agendado um treino de 21 kms, mas queria arriscar ir um pouco mais longe para ter a noção do meu verdadeiro estado físico. Decidi que durante o treino resolvia até onde ia, dependente de como ia correndo.

Às 7:45 h já estava pronto para iniciar o treino no Caminho Pedonal Ribeirinho entre Alhandra e Vila Franca de Xira.

Começei o treino a um ritmo bastante confortavel, a rondar os 6:10 min./km. A cada 4 kms ia-me hidratando e refrencando. Sem dar conta o ritmo ia aumentando lentamente. Como não estava a forçar, deixei-me ir. Aos 18 kms, já com o ritmo a rondar os 5:35 min/km, tomei a decisão de ir até aos 24/25 kms. Sentia-me fresco, cheio de força e com vontade de fazer mais alguns quilometros.

Dei por terminado o treino perto dos 25 kms, feitos em 2:20 h e com um ritmo final a rondar os 5:20 min./kms.

Para terminar o dia em beleza, recebi uma massagem de recuperação desportiva, acelarando a recuperação e tentar atenuar os efeitos dos 4 kms feitos a mais.

Este treino teve dois efeitos muito importantes, o fisico e mais importante ainda, o mental. Fiquei mais confiante e não vou enfrentar a maratona tanto a medo.

Nas próximas duas semanas é treinar com cabeça, recuperar o esforço dispendido nos ultimos 3meses e meio para estar em grande na Maratona de Lisboa.