Arquivo de 3 treinos

15 a 21 de Agosto de 2011 – 3 treinos.

Posted in 2011/2012, Treino with tags , on 23 de Agosto de 2011 by José Pedro

Dia 18 – 5 km

Depois de umas mini-férias fora de Lisboa, regressei calmamente aos treinos.

5 km – 31 min.

Como estava um pouco cansado das viagens dos dias anteriores, um treino suave foi bem vindo.

Dia 19 – 9 km

Como me senti bem no treino anterior, o treino seria um pouco mais puxado

9 km c/ 6 km RP – 51 min.

O treino teve um ínicio bastante bom sentindo as pernas soltas, mas a meio do treino as tripas resolveram chatear-me e não me deixaram fazer o treino como pretendia. Felizmente aguentei até chegar a casa.

Dia 21 – 60 min. bike

Domingo o treino foi completamente improvisado.

60 min. bike

Como o tempo não estava bom para a praia, fui dar uma volta calma de bicicleta. Era para fazer o treino longo na parte da tarde, mas uma má disposição não o permitiu. Infelizmente vou tentar fazer na 2ª feira.

 

20 a 25 de Setembro de 2010 – 3 Treinos

Posted in Treino with tags on 27 de Setembro de 2010 by José Pedro

Dia 20 – 5 km

Depois do treino puxado de domingo, fiz um treino calminho.

5 km – 30 min.

Foi um treino calminho e muito relaxante.

Dia 21 – 4 x 600 mt.

Foi mais um dia de séries, desta vez mais curtas.

4 x 600 mt. (2:33/2:38/2:26/2:23 min.)

Tentei nunca forçar muito e até não correram muito mal. As primeiras duas foram um pouco acima do que previa fazer e as últimas já foram dentro do tempos pensados.

Dia 23 – 2 x 5 min.

Dediquei este dia a testar o ritmo que iria tentar utilizar na meia-maratona.

2 x 5 min. c/ 4 rec. (4:45/4:40 min./km)

Fiz os dois tiros sem grande esforço. Sairam dentro do tempos que previa o que me deixou optimista. Agora é descansar e alimentar.me bem para que a corrida de domingo corra dentro da minha previsão.

13 a 19 de Setembro de 2010 – 3 treinos

Posted in Treino with tags , on 20 de Setembro de 2010 by José Pedro

Dia 14 – 7 km

Depois de S. João das Lampas, sai sem treino definido!

7 km – 40 min.

Desde o primeiro metro sentia as pernas cansadas e com o passar do tempo a situação não melhorava. Tendo este cenário, o melhor foi mesmo fazer um treino com ritmo lento.

Dia 16 – 2 x 12 min.

Tinha em mente fazer um treino mais rápido, sentia necessidade de alargar a passada!

2 x 12 min. c/ 4 min. rec.

Iniciei o primeiro tiro em ritmo confortavel e senti-me muitissimo bem! Arrisquei a fazer o segundo e quando terminei fiquei bastante satisfeito por ter feito os ambos a 4:45 min/km e ainda me sentia com energia para mais.

Dia 19 – 16 km

Este dia estava destinado a mudar de cenário. A marginal estava cortada ao transito e eu ia aproveitar esta oportunidade para usufruir de um dos mais belos percursos de Lisboa.

16 km – 95 min.

Deixei o carro no Estádio Nacional, muni-me de uma garrafa de água  e fui nas calmas ao longo do pontão a apreciar a paisagem e a sentir a salgado ar do mar.

Iniciei o retormo na Praia da Torre. Meti-me na marginal já sem carros e mantive o ritmo até aos 10 km. Como me estava a sentir bem, aumentei o ritmo gradualmente até chegar ao ritmo da meia-maratona. Sentia-me bem e ainda foram 4 km bem puxados. Os últimos dois foram feitos em descompressão e para terminar uma boa série de alongamentos.

1 a 7 de Março – 3 treinos

Posted in Treino with tags , on 8 de Março de 2010 by José Pedro

Dia 3 – 4 x 800 mt.

Depois de um bom aquecimento e seguindo o meu plano de treinos fui fazer séries.

4 x 800 mt. (4:30/4:20/4:10/4:00 min./km.)

Não sabia bem o como iria correr o meu treino. No último Fim-de-semana o treino não me tinha corrido bem e iniciei as sérias com algumas cautelas. Para minha admiração senti-me bastante solto e os ritmos iam saindo naturalmente sem esforço em demasia.

Dia 5 – 12 min. + 4 x 90 seg.

O treino deste dia seria um pouco diferente do normal.

12 min. (4:40 min./km)

+

4 x 90 seg.

Na 1ª parte do treino tentei impor um ritmo um pouco superior ao que pretendo fazer na meia-maratona que foi conseguido sem grandes dificuldades. As acelarações finais tentei sempre andar na red line.

Dia 7 – 19 km.

Mais um dia de treino longo no Parque das Nações. Reparei que havia bastante presença de corredores a treinar. Nota-se logo quando está um prova por perto.

19 km – 105 min.

Este treino dividi-o em 3 partes: os primeiros 12 km seriam lentos, dos 12 aos 18 km em ritmo da meia-maratona e os último km em ritmo lento com 4 acelarações de 100 mt.

Desde muito cedo senti as pernas soltas e fiz os primeiros 12 km sem dificuldade a 5:28 min./km.Depois tentei impor o ritmo de 4:50 min./km, mas nos primeiros 2 km só consegui andar a 5:00 min./km. A partir dos 14 km senti-me mais solto e consegui fazer até aos 18 km a 4:45 min./km.O último km foi feito muito lentamente e para terminar o treino em beleza fiz 4 acelarações de 100 mt.

11 a 17 de Janeiro – 3 treinos

Posted in Treino with tags , on 26 de Janeiro de 2010 by José Pedro

Dia 13 – 5 x 200 mt.

Mais um dia de séries!

5 x 200 mt.

Foram feitas sem grande dificuldade e sempre em velocidade crescente! Já tenho que começar a pensar em aumentar a distância.

Dia 15 – 6 x 4 min.

O treino de hoje já foi bem mais duro

6 x 4 min. c/2 min. rec. nas primeiras 4 e c/ 3 min. rec. nas últimas

foi um treino bastante puxado. As prmeiras 3 séries foram feitas sem grandes problemas, mas na 4ª já sentia a passada um pouco descontrolada. Resolvi aumentar o tempo de recuperação para as duas últimas, só assim consegui manter a ritmo sempre crescente.

Dia 17 – 17 km.

Desta vez fiz um treino longo um pouco diferente no Parque das Nações.

17 km – 105 min.

A primeira hora foi feita na companhia do meu amigo Carlos. Fomos sempre num ritmo bastante relaxante e sempre constante. A partir do momento que o Carlos deu por terminado o seu treino aos 10 kms, aumentei o meu ritmo para o que penso fazer na meia. Notei que as pernas estavam um pouco presas devia a não ter feito treinos longos nas últimas semanas.

4 a 10 de Janeiro de 2010 – 2 treinos

Posted in Treino with tags on 13 de Janeiro de 2010 by José Pedro

Dia 6 – 4 x 300 mt.

Este foi o meu primeiro treino do ano! Andei a adiar por diversos motivos, mas sabia que deste dia não ia passar.

4 x 300 mt. c/ 90 seg. rec.

Depois do habitual aquecimento, lá fui eu fazer umas séries. Como já não treinava á mais de uma semana e achei que o melhor era começar por umas curtas. Até me correu bastante bem e mesmo estando mais pesado não impediu que fosse mais rápido a cada série-

Dia  8 – 2 x 5 min.

Resolvi aumentar o grau de dificuldades e depois do aquecimento tentei ver como me sentia a puxar um pouco mais.

2 x 5 min. c/ 2 min. rec.

Ambas as acelarações correram bastante bem e ao que parece o tempo que estive parado e as festividades não fizeram muitos estragos.

Dia 10 – Veste, sai e volta!

Acordei cedo com a intensão de ir treinar. Sai de casa e fui em direcção ao Parque das Nações. Para meu desespero estava muito mau tempo. Vento, chuva e frio!

Ainda esperei para ver se melhorava! Manteve-se assim e resolvi adiar o treino para outra altura! Estava constipado e não queria arriscar a ficar pior!

Espero que para a semana esteja um pouco melhor!

6 a 12 de Julho – 3 treinos

Posted in Treino with tags on 14 de Julho de 2009 by José Pedro

1426224Dia 7 – 6,5 km

Depois da Corrida do fim-de-semana, voltei aos treinos. Senti as pernas cansadas e para não forçar muito fiz um treino ligeiro.

6,5 km – 40 minutos.

Tentei fazer todo o treino num ritmo suave e sem grandes oscilações. Queria estar bem no seguinte!

Dia 9 – 9,5 km

Como tinha a manhã livre, resolvi fazer o treino no EUL

9,5 km – 50 min.

Para o meu estado fisico foi um treino um pouco duro. Os percursos no EUL parecem faceis mas são um sobe e desce constante. Depois de aquecer, consegui meter um bom ritmo e tentei manter-me nele durante o resto do treino. No final senti-me cansado, mas satisfeito!

Dia 11 – 12 km

Sábado foi dia de treino no Parque das Nações.

12 km – 60 minutos

O principal objectivo era aumentar o número de kms corridos. Começei o treino muito lento e conforme o tempo ia correndo o ritmo ia aumentando naturalmente. Por volta dos 8 km tentei ainda aumentar mais, mas o meu joelho deu sinal que não estava para aí virado. Baixei novamente e fui o resto do treino no relax. Estava tanto calor que tive que aproveitar os repuchos da rega para refrescar.