Arquivo de 10 kms

Corrida do Tejo 2016 – Regresso feliz.

Posted in 2016 / 2017, As minhas corridas, Uncategorized with tags , , , , on 26 de Setembro de 2016 by José Pedro

14494643_10210699499309275_7810486204909299673_n

Pela quarta vez estive na linha de partida da Corrida do Tejo e sendo a minha estreia como representante do Centro de Marcha e Corrida do Jamor.

Cheguei cedo, fui ter com o resto do ” gang ” do Jamor e fui para o ultimo bloco de partida tentar aquecer um pouco as articulações. Como estive parado durante um mês e só voltei aos treinos à duas semanas, os primeiros dois quilómetros serviriam para aquecer e depois deixava ir conforme o corpo solicitasse.

Às 10 em ponto foi dado o tiro de partida. Juntei-me a dois membros do ” gang ” e até ao Alto da Boa Viagem fomos num ritmo descontraído para assim conseguirmos aquecer os músculos. A partir do terceiro quilómetro com os músculos aquecidos o corpo ficou mais solto e o ritmo aumentou naturalmente mas sem forçar.

5 km: 28:19 min.

O ritmo manteve-se estável durante vários quilómetros até que com o aproximar da meta naturalmente a passada tornou-se mais rápida. Mesmo na subida da praia de Oeiras o ritmo continuava a subir e no ultimo quilómetro cada membro do ” gang ” ficou por si. Mesmo tendo-me poupado bastante as pernas acusaram a falta de treinos e já não consegui meter a ” quinta velocidade ” que tanto gosto no final das corridas.

img_0587

Tempo Oficial: 55:58 min.

Tempo Real: 53:41 min.

diplomacorridatejo2016

Tendo em conta o tempo de paragem durante as férias pode-se dizer que a corrida correu dentro do previsto e que agora é preciso acelerar os treinos para meter-me novamente em boa forma.

percursocorridatejo2016

altimetriacorridatejo2016

Anúncios

X Memorial Francisco Lázaro – quente carrossel.

Posted in 2015 / 2016, As minhas corridas, Uncategorized with tags , , , , , on 13 de Julho de 2016 by José Pedro

Este é o ano de muitas estreias e no domingo estreei  mais uma corrida . Mesmo sendo numa zona que me diz muito sempre evitei participar devido à altura do ano em que se realiza e à tardia hora de partida.

Como é habitual da minha parte cheguei, bastante cedo. Equipei-me, fiz uns alongamentos e iniciei o aquecimento. Antes de ir para a linha de partida optei por me refrescar num bebedouro. O sol já castigava e para alem do carrossel de subidas e descidas ia ser a principal dificuldade para obter um bom tempo.

Captura de Ecrã (65)

Percurso

Dado o tiro de partida sai um pouco mais rápido que que estava a contar, já sabemos que por vezes a adrenalina manda mais que a cabeça. Mesmo sendo o inicio ligeiramente a subir ainda arranquei um 4:45 min/km no primeiro quilómetro. Tentei controlar o ritmo e mesmo na subida logo após segundo quilometro arranquei um promissor 5:03 min/km. Chegando ao terreno plano tentei estabilizar o ritmo temendo pagar caro mais tarde tamanha ousadia. Estudando mal o percurso não me preveni para a pior subida do percurso aos 4,5 km em pleno Monsanto.

5 kms: 25:27 min.

Foi quase um quilometro sempre a subir e com uma boa inclinação. Assim que cheguei ao retorno e já em descida, tentei recuperar um pouco as forças. A passagem por detrás do parque de campismo e feita numa descida bastante inclinada. O ritmo acelerou naturalmente mesmo tentando meter um ligeiro travão para não ir por ali a baixo descontroladamente. Mas foi sol de pouca duração, depois dos 7 kms apareceu mais uma longa subida. Optei por não forçar, meti o ” piloto automático ” para assim tentar poupar forçar para os últimos 2 kms que são quase sempre a descer. Repousei e refresquei-me bastante na descida para o túnel da Buraca e enfrentei a ultima dificuldade com determinação que foi mais uma subida logo após o túnel. Assim que me apanhei na descida deixei o corpo ir perto do seu limite, mesmo não conseguindo imprimir um ritmo que mais desejava por já estar desgastado. Entrei no campo do ” Fófó ” com vontade de ver a meta à frente, o calor e o desgaste faziam mossa só queria terminar bem.

Tempo oficial: 50:50 min.

Tempo Real: 50:33 min.

Captura de Ecrã (66)

Altimetria

Gostei imenso do percurso, tenho pena que o inicio da prova seja às 10 horas, que sendo realizada em Julho a temperatura já está bastante alta e podiam intervalar melhor os dois abastecimentos.

Captura de Ecrã (67)

Curiosamente o meu número de dorsal foi exactamente o mesmo que a minha classificação geral: 93.

Aqui está a prova do ” crime ” ao minuto 15:04

 

3ª Corrida TSF Runners –

Posted in 2015 / 2016, As minhas corridas, Uncategorized with tags , , , , on 19 de Maio de 2016 by José Pedro
Captura de Ecrã (57)

Percurso e Altimetria – Corrida TSF Runner 2016

Sábado participei pela segunda vez na corrida TSF Runner. Participei com plena consciência que não era um bom dia para tentar dar o meu máximo. Depois de uma semana mais cansativa que o normal, noites com poucas horas de sono, almoço tardio e nada indicado para quem vai correr, sabia que as probabilidades de correr como queria estavam contra mim.

No aquecimento notei que as pernas estavam presas e que sentia o estômago pesado. Fixei como objectivo fazer abaixo dos 50 minutos , ficando com um tempo sub 50 para apresentar em corridas com partidas por tempos.

Tendo o objectivo fixo, parti com o sentimento que teria que ficar com alguma margem no inicio para poder gerir no final de prova. Rapidamente o pelotão estendeu-se ao longo do percurso deixando espaço para meter o ritmo que mais me convinha. Um pouco mais à frente vinha o marcador dos 50 minutos, tentei estabilizar o ritmo e aos poucos fui-me aproximando. Pouco depois dos 3 quilómetros passei por ele e pelo enorme pelotão que o seguia, tentando manter o ritmo mais estável possível, mesmo tendo a noção que andava um pouco aos solavancos.

5 kms – 23:57 min.

Sentia as pernas cada vez mais cansadas e com mais dificuldade em manter o ritmo vivo. Depois do retorno e com o vento contrario as dificuldades foram aumentando. Tentei baixar um pouco o ritmo numa tentativa de recuperar energias, mas com o abastecimento o ritmo baixou mais do que pretendia. Aos poucos fui recuperando e quando pretendia fazer um ultimo quilómetro em crescente, senti um desarranjo intestinal que me forçou a diminuir o esforço e o ritmo. Terminei a corrida em esforço e com necessidade de resolver o meu desarranjo rapidamente.

Tempo Real: 49:14 min.

Tempo Oficial: 49:34 min.

Captura de Ecrã (58)

Fiquei com a sensação que se a prova tivesse sido no domingo de manhã teria feito melhor, com mais descanso e com uma refeição mais a condizer com o esforço que iria fazer.

A corrida foi muito bem organizada, teve dois abastecimentos e no final o escoar dos atletas foi bastante rápida. Pelo meu gps a corrida teve menos do que os 10 quilómetros, será algo a rever pela organização.

 

2ª Corrida S.E.M – uma tarde para esquecer!

Posted in 2015 / 2016, Desabafos with tags , , on 21 de Setembro de 2015 by José Pedro

2ªCorridaSEM

A participação de um atleta numa corrida é muito mais que  ir até um determinado local, correr uma determinada distância, cruzar a linha de chegada e está feito!

Numa primeira fase é preciso olhar para o calendário das corridas, escolher uma determinada corrida que pretendemos participar, fazer a inscrição, fazer um plano de treinos de acordo com os nossos objectivos e marcar essa parte do dia como indisponíveis para outro tipo de actividades que podiam-nos tentar tanto ou mais que a corrida.

Todo o atleta sabe que existe uma logística no dia da  corrida. Tentar descansar, ter cuidado com as refeições no próprio dia, preparar o equipamento de acordo com o percurso e condições climatéricas, sair de casa cedo para evitar o stress de chegar em cima da hora, planear a vida pessoal para que não seja prejudicada pelo nosso ” vicio “…

Resumindo, nesse dia toda a nossa vida gira à volta da corrida.

Mas este discurso todo tem uma finalidade: a 2ª Corrida S.E.M.

Resolvi inscrever-me nesta corrida para abrir a época desportiva porque conseguia juntar duas coisas que faz muito sentido estarem juntas: a corrida e o lado solidário.

Mesmo sabendo que ia estar muito calor e que o meu donativo para uma causa justa já estava entregue, resisti à tentação de ir treinar pela fresca e mantive a minha participação na corrida.

Almocei cedo uma refeição ligeira a pensar no esforço que ia ter. Saí de casa com bastante antecedência para poder estacionar o carro, chegar a horas de fazer os meus alongamentos e aquecimento de modo a poder estar pronto na linha de partida a horas.

À hora que era suposto dar o tiro de partida, a estrada não estava interrompida e nem o pórtico estava montado. O tempo foi passando e nada de inicio da corrida.

O meu corpo foi arrefecendo do aquecimento que tinha feito e a mente começou a ficar num reboliço devido aos compromissos que tinha assumido após a corrida. Um momento que devia ser de descontracção saudável e de convívio transformou-se aos poucos em stress e ansiedade.

Meia hora depois da hora marcada para o tiro de partida fui-me embora chateado, frustrado e irritado o que não devia acontecer quando uso a corrida para fins completamente opostos.

Felizmente os compromissos que tinha assumido para depois da corrida conseguiram-me relaxar, mas não apagaram a minha frustração de ter perdido uma tarde em vão, stress que me causou e principalmente por ter impedido de fazer uma actividade que tanto gosto.

Ficou uma preciosa lição, devia seguir os meus instintos e posso ser solidário de maneira diferente.

Hoje para me vingar vou fazer um super-treino no paredão da marginal!

2ªCorridaTSF Runners – Regresso à competição.

Posted in 2014/2015, Calendário de Corridas, Desabafos with tags , , on 4 de Junho de 2015 by José Pedro

 

TSF Runners

Depois de mais de 6 meses parado, tenho andado a treinar progressivamente para voltar à competição. Acho que estou pronto para novamente enfrentar os 10 kms numa corrida, certamente com um ritmo mais lento do que estava habituado.

A minha escolha recaiu na 2ª Corrida TSF Runners. O percurso é bastante acessível, o preço da inscrição é aceitável e pelo que vi de anos anteriores parece-me bem organizada. Possivelmente vai estar bastante calor, mas estou disposto a enfrenta-lo em vez de esperar por uma época mais fresca. Afinal vai ser a minha primeira e ultima corrida da época.

TSF Runners percurso

O meu objectivo é apenas de terminar bem e sentir novamente a atmosfera electrizante que envolve a participação numa competição.

Informações e Inscrições:

http://www.tsfrunners.pt/

6ª Corrida do Aeroporto – Inscrições Abertas

Posted in 2014/2015, Calendário de Corridas with tags , , on 6 de Outubro de 2014 by José Pedro

corridadoaeroporto

Aqui está uma corrida que começa a ser uma tradição, vai realizar no dia 19 de Outubro, pelas 10 horas.

O percurso não é dos mais fáceis, mas tem os seus atractivos.

Informações e inscrições:

http://www.corridadoaeroporto.com/site/index.asp

Corrida Sporting 2014 – Inscrições abertas

Posted in 2014/2015, Calendário de Corridas with tags , , , on 29 de Setembro de 2014 by José Pedro

corrida Sporting 2014

Ainda vais a tempo de te inscreveres na Corrida Sporting 2014, que se realiza no dia 12 de Outubro de 2014 pelas 10:30 h.

A caminhada não competitiva, com uma distância de 4 kms tem o início marcado para as 9:30 h.

Informações e inscrições:

http://www.corridadosporting.com/