Meia Maratona de Cascais 2018 – melhor só em 2013.

 

Meia Maratona Cascais 2017

Domingo fiz a minha estreia na Meia Maratona de Cascais. Depois de várias participações nos 20 km de Cascais, o percurso não tinha grandes segredos e ia tentar dar o meu melhor. Tentei aquecer bem e fui para a linha de partida, entrando no separador dos sub 1:45 h.

Sabendo que a primeira parte da prova não é fácil, tentei por um ritmo moderado e cauteloso. Ter saído no separador dos sub 1:45 h facilitou essa tarefa e evitei assim o natural desgaste das mudanças de ritmo. Após as primeiras dificuldades dos primeiro 2,5 kms, tentei impor um ritmo um pouco mais vivo e abaixo dos 5:00 min./km. Assim que entrei na estrada do Guincho e aproveitando o declive favorável, acelerai um pouco mais mas sempre tendo em atenção as dificuldades do retorno.

5 km: 24:46 min.

O ritmo ia sendo inconstante muito devido ao vento que ia sendo mais forte conforme ia aproximando do Guincho. A minha preocupação era tentar ter o menor desgaste possível sem comprometer os meus objectivos em termos de tempo final. Por volta dos 8 kms consigo alcançar o marcador de ritmo dos 5:00 min/km. Foi um pouco mais cedo que que pretendia, mesmo assim como me sentia confortável deixei-me ir sem receios de poder pagar mais tarde. Com o vento a não dar descanso, resolvo apanhar “boleia” de dois atletas que iam num ritmo idêntico ao meu, assim ia um pouco mais abrigado do vento.

10 km: 49:34 min.

A minha “boleia” estava a resultar muito bem e conseguia estabilizar o ritmo até ao retorno onde sem a dificuldade do vento senti o ritmo a acelerar naturalmente. A minha “boleia” tinha ficado para trás e consegui estabilizar o ritmo um pouco abaixo do que tinha feito, mesmo sendo o percurso com uma inclinação desfavorável.

15 km: 1:13:06 h.

O ritmo continuava estável e quanto mais me aproximava da meta maiores eram as dificuldades com a inclinação desfavorável.  Sabendo da grande dificuldade dos 17,5 km onde a inclinação é mais acentuada, tentei poupar-me um pouco antes e enfrentar assim a “besta negra” de uma forma mais enérgica. Liguei o “cruise control” e enfrentei tão penosa subida sem grandes oscilações de ritmo. Assim que o terreno ficou menos inclinado, tentei recuperar o fôlego e aos poucos voltei a um ritmo mais vivo. Sabendo que o ultimo quilometro é quase todo a descer, arrisquei e levei o meu corpo aos limites da energia que ainda tinha até cortar a linha de meta.

Tempo Real: 1:42:25 h

Tempo Real: 1:42:53 h

 

Meia Maratona Cascais 2017(1)

Desde a minha lesão de 2014 que não conseguia fazer as provas longas abaixo dos 5:00 min/km, o que me deixou bastante satisfeito e com motivação para fazer melhores resultados. Para além disso é o meu segundo melhor resultado de sempre numa meia maratona.

MeiaMaratonaCascais_172-page-001

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: