S. Silvestre de Lisboa 2012

 

SSilvestreLisboa2013

S.SilvestreLisboa2013

Dia 29 foi mais um dia de S. Silvestre de Lisboa. Andei a treinar durante bastantes semanas com o objectivo de fazer um bom resultado nesta prova. Depois de uma forte gripe, a 15 dias da corrida, baixei bastante a fasquia, mas mesmo assim estava apostado num bom tempo.

Depois de um almoço leve, lá fui ter com o resto do “gang” para enfrentar os ultimos 10 km do ano. Equipamo-nos, entregamos a mochila e fomos fazer um pequeno aquecimento que o tempo já não era muito para a hora da partida e fui-me colocar nos “Sub 50”.

Conforme tinha previsto, os primeiros 2 kms seriam importantes para o resto do desenrolar da corrida. Numa corrida com tantos atletas a partida foi bastante lenta e sofrivel. Andei em constante zig-zag até aos 1,5 kms e  até chegar ao Cais do Sodré o piso não ajudava em nada. Aumentei o ritmo a partir daí e ainda consegui fazer o 3º km num animador 4:15 min/km, mas com o estreitar da estrada, fiquei “entalado” no meio de outros atletas e o ritmo em que vinha perdeu-se. Ao chegar à Praça do Comercio, tentei de novo voltar ao ritmo vivo, mas o corpo não respondia e mantinha-me nos 4:30 min./km. Se a ritmo não era a que gostaria, pior ficou quando tive que enfrentar o empedrado do Rossio, nunca consigo ter um ritmo forte neste tipo de piso.

5 km: 23:47 min.

Empedrado, abastecimento e logo de seguia a subida dos Restauradores para o Marquês de Pombal: um verdadeiro desafio. Enfrentei a subida num ritmo inconstante. A perda de ritmo no Rossio foi decisiva para as dificuldades que estava a enfrentar e voltei ao zig-zag por entre corredores que estavam em maiores dificuldades do que eu. Sempre com o olhar na estátua do Marquês lá fui enfrentando tão enganadora subida. Aproveitando o terreno “plano” na rotunda, consegui impor uma passada mais viva e quando ataquei a derradeira subida para o Saldanha, ganhei nova vida. Agora com um ritmo crescente, a inclinação era facilmente ultrapassada. Chegando ao Saldanha, já sabia o que me esperava: 2 kms sempre a descer. Sem medos, lancei-me na descida até à meta. No ultimo km tentei aumentar ainda mais o ritmo, mas o desgaste da subida já se fazia sentir e  o esforço pedido já era demasiado.

Tempo Oficial: 48:32 min.

Tempo Real: 46:39 min.

Mesmo com as dificuldades sentidas a todos os níveis, consegui bater o meu RP nesta corrida, até quando o percurso era bem mais facil.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: